Jardins, Paisagismo, Plantas & Flores

As Plantas Medicinais (PANC) – Parte III

10 Plantas Alimentícias Não Convencionais – PANC

PANC é um termo criado pelo biólogo Valdely Kinupp se referindo as plantas comestíveis que surgem de forma espontânea em quintais, terrenos baldios e canteiros, mas que não são consumidas por falta de costume ou de conhecimento.
Estas plantas surgem como alternativas, em contraposição da disfuncionalidade do atual sistema hegemônico de produção, baseado em monocultivos e massiva utilização de agrotóxicos.

“Que o teu alimento seja o teu remédio e o que o teu remédio seja o teu alimento.” Hipócrates

A seguir 10 PANC que você pode consumir no seu dia-a-dia e assim adotar novas maneiras de alimentação saudável, extraindo dessas plantas o poder curativo que a natureza nos oferece em abundancia. Não tem mais desculpas, já que as 10 PANC selecionadas, são bem fáceis de serem encontradas.

1. Tagete
Tagetes filifolia

Aromática, apresenta um leve odor de anis. As folhas podem ser usadas para chás ou como condimentos em sopas e carnes assadas. Já a flor pode ser consumida em saladas.

2.Tansagem
Plantago major

Podem substituir o gergelim na cozinha, e as folhas, parecidas com espinafres e que podem ser refogadas e consumidas.

3.Ora-pro-nóbis
Pereskia aculeata

Destaca-se por ser rica em proteínas e fibras. Ela pode ser usada em recheios, feijão e polenta.

4. Peixinho
Stachys byzantina

Essas folhas de aspecto único possuem uma surpresa: se empanadas e fritas, elas ficam crocantes e com gosto de peixe!

5.Amor-perfeito
Viola x wittrockiana

Muito comum em canteiros pelo Brasil todo, é possível comer tanto as folhas quanto as flores desta espécie. Ela pode ser utilizada – crua ou cozida – em saladas, sopas, bebidas e geleias.

6.Dente-de-leão
Taraxacum officinale

Têm muitos fitonutrientes. Possuem vitaminas A e C, e as flores e folhas podem ser consumidas.

7.Beldroega
Portulaca oleracea

Considerada planta “daninha” em hortas, pomares e jardins, é rica em ômega 3 e tem alto poder antioxidante. Pode ser consumida crua ou cozida.

8. Taioba
Xanthosoma taioba

Seu gosto lembra o do espinafre, e ela deve ser consumida sempre cozida, frita ou refogada, nunca crua. Contem uma grande quantidade de vitamina A.

9.Capuchinha
Tropaeolum majus

Esta espécie é totalmente comestível: suas flores, folhas, sementes e ramos podem ser consumidos crus ou cozidos e apresentam sabor similar à rúcula e ao agrião. Além disso, tem potencial antioxidante e antiinflamatório.

10. Azedinha
Rumex acetosa

A azedinha já diz muito sobre seu sabor: característico e um pouco ácido. Ela pode ser consumida refogada ou crua, na salada e sucos.

Para saber mais, existem algumas indicações de leitura como o livro, Plantas Alimentícias não convencionais (PANC) no Brasil, da editora Plantarum.

Importante: Todas as Pancs utilizadas na alimentação são bem conhecidas quimicamente, o que garante segurança na sua ingestão. Sendo assim, é fundamental não ingerir nenhuma planta que não se conheça, a fim de evitar processos alérgicos e intoxicações graves.

Até o próximo texto com mais curiosidades sobre as plantas medicinais.

Material de apoio: Grupo Viveiros Comunitários
Revista Casa e Jardim

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s